Seguidores

terça-feira, 31 de julho de 2012

Interferência dos Espíritos (Kardec)


Como os Espíritos podem penetrar nossos pensamentos .Até que ponto os espíritos influenciam sobre nossos pensamentos?
Observemos as respostas dos espíritos superiores a Kardec: Smiley

456 Os Espíritos vêem tudo o que fazemos?

– Eles podem ver, porque vos rodeiam incessantemente. Cada um vê apenas as coisas sobre as quais dirige sua atenção. Não se preocupam com o que lhes é indiferente.

457 Os Espíritos podem conhecer nossos mais secretos pensamentos?

– Frequentemente conhecem o que gostaríeis de esconder de vós mesmos. Nem atos, nem pensamentos lhes podem ser ocultados.

- Assim, é mais fácil esconder uma coisa de uma pessoa viva do que fazer isso a essa mesma pessoa após a morte?

– Certamente, e, quando acreditais estarem bem escondidos, tendes muitas vezes uma multidão de Espíritos ao vosso lado que vos observam.

458 O que pensam de nós os Espíritos que estão ao nosso redor e nos observam?

– Isso depende. Os Espíritos levianos riem dos pequenos aborrecimentos que vos causam e zombam de vossas impaciências. Os Espíritos sérios lamentam vossos defeitos e se empenham em vos ajudar.



459 Os Espíritos influem sobre nossos pensamentos e ações?

– A esse respeito, sua influência é maior do que podeis imaginar. Muitas vezes são eles que vos dirigem.

460 Temos pensamentos próprios e outros que são sugeridos?

– Vossa alma é um Espírito que pensa; não ignorais que muitos pensamentos vos ocorrem às vezes ao mesmo tempo sobre um mesmo assunto e frequentemente bastante contrários uns aos outros; pois bem, nesses pensamentos há sempre os vossos e os nossos. Isso vos coloca na incerteza, porque, então, tendes duas idéias que se combatem.

461 Como distinguir os pensamentos próprios daqueles que são sugeridos?

– Quando um pensamento é sugerido, é como uma voz falando. Os pensamentos próprios são em geral os do primeiro momento. Além de tudo, não há para vós um grande interesse nessa distinção e muitas vezes é útil não sabê-lo: o homem age mais livremente. Se decidir pelo bem, o faz voluntariamente; se tomar o mau caminho, há nisso apenas maior responsabilidade.

Marlon Santos
no fórum espírita mais temas como esse são abordados.

5 comentários:

  1. Pois é amigo...estou eu a pensar sobre isso..Quanto uma obssessão pode influenciar na depressão de uma pessoa e o que se pode fazer para aliviar isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como diz uma máxima do Evangelho..."é chamando os bons pra perto que se afastam os maus de perto"...

      Excluir
  2. Eu gosto muito de ler de me aprofundar sobre esse assunto,pois sinto a presença de espiritos passando por mim.Adoraria desenvolver mais e trabalhar contigo no centro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vais estudando que isso será possível. Pq não??abs

      Excluir
  3. Eu,tenho provas concretas de que os espiritos podem conhecer nossos mais secretos pensamentos.Vou citar algo que o DR.nos disse .Se o pensamentos das pessoas tivessem cheiro,Seria um fedor insuportavel...

    ResponderExcluir